sábado, 19 de abril de 2008

Até sempre Sónia

Ontem a Sónia deixou-nos...
Cruzámo-nos em meia dúzia de encontros circunstanciais, pelo que nem sequer posso dizer que a conhecia. Mas não tenho dúvidas de que era uma lutadora e o facto de ter toda uma vida pela frente que não teve oportunidade de gozar, revolta-me.
Além disso, a Sónia era filha, esposa, mãe, mulher...

Hoje vou-me despedir dela.


free music

3 comentários:

Rosa Negra disse...

Não há palavras que sirvam em alturas destas.
Deixo-te um abraço.

Viajante disse...

Beijo grande!

mcg disse...

obrigada...